terça-feira, 16 de agosto de 2016

A alma composta de tudo


São as pessoas.
Não são dinheiro.
Não são status
Não são inteiros.

Pedaços de tudo,
Um pouco de cada.
Composição da raiz
Da semente germinada.

Somos nós mesmos.
Não é dinheiro,
Mas a expectativa
Também divide o inteiro.

São esses pedaços
que escolhemos
Para vencer
Os nossos traumas,
Quando temos
Momentos
De calma na alma.



(Cristiano Jerônimo – 16.08.2016)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os mouros do sertão

Eu sou do solo do pé rachado. Onde hidratante não dá jeito. Sou pé trincado do próprio solo; Do colo da flor que brota no leito. ...