sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Canceriano

O dinheiro acalma os corações mais vazios que conheci neste mundo, até agora
Pela paz

Quando sua vida estiver
Toda definida e arrumada
Lembra-se da tua estrada
E de quantos se Deus quiser.

Falastes uma vez só e não
Não fostes feliz na reação.
Quisestes ser cruel no amor
Ante o que restou preocupação.

Eu que não falei, não desdenhei.
Levei porrada, quis ser uma mulher
Ou que fostes uma vez homem;
Minha mão fechada desencanta.

No pé do ouvido: - Serena tua ira,
Tua materialidade, a paciência,
Porque não podes ter um câncer
Porque sou, inclusive, canceriano.

Lê de novo o livro código principal;
Eu já li mais de 40 vezes...
E ainda tenho que ler
Outras 40 x 4,
Como perdoar
70 x 7 sempre.

(É possível).

###################################

Mas,
"Vendo barato 
a minha nova
água benta:
três prestações 
qualquer um
pode comprar.
Se  pecado
anda sempre 
ao seu lado
e o demônio
vive a lhe tentar.
Chegou a luz
no fim do seu túnel,
minha filha,
O meu cajado
vai lhe purificar...
Pois eu transformo
água em vinho,
chão em céu,
pau em pedra,
e cuspe em mel.
Pra mim não existe
Impossível
... Pastor João...
e a igreja invisível.
O sucesso da minha existência
está ligado ao exercício da fé.
Pois se ela remove montanhas
também traz grana e um monte de mulher".




(Cristiano Jerônimo)

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Promete?


A lista
Alista
Alisa
E vamos
Todos
Se amar.

Na cama
Na lama
No Alabama
E vamos
Todos
Conversar.

Na língua
Na míngua
Sem íngua
Sem feridas
Pra curar.

Me envolve
Comove
Quando chove
Tem alguém
Para te enxugar.

Me enxuga
Me suga
De sunga
Sol da praia
Para a gente
Se queimar.

Tua bunda
Me afunda
Inunda
Faz meu corpo
Sorrir e delirar.




(Cristiano Jerônimo – 16.11.2016)

domingo, 13 de novembro de 2016

Dar sem ter


Que a taxa é alta pra se viver,
Você tem visto...
Dinheiro que é bom, passaporte,
Não tenho visto...

E viver, mesmo que renuncies
A tudo... Tem que pagar para ver...
Tem que ter alquimia, sobreviver,
Para ver, na vida, o outro lado da agonia.

O cartão de crédito da emoção
Só aceita cash e débito.
Eu, talvez, não possa comprar
O que chamam de salvação...

Mas posso dar do pouco que tenho,
Ajudar aos amigos e desconhecidos
Para poder ficar mais convencido
De que ninguém pode dar sem ter.

Assim como ninguém pode ter sem dar.



(Cristiano Jerônimo)

O Morro Sagrado

Recife é azul quando vem Nossa Senhora, A procissão toda coberta com seu manto azul. A coisa mais linda do mundo; Ceça Nossa Senhor...